Convenção do PCdoB/RS aprova nominatas e apoio a Dilma e Tarso


Em um ambiente de entusiasmo, o PCdoB do RS realizou a sua convenção eleitoral neste sábado (14) com auditório do Hotel Everest, no centro de Porto Alegre, completamente lotado. Os cerca de 350 delegados aprovaram o projeto eleitoral do partido, as candidaturas a deputados federais e estaduais, e a aliança majoritária com Tarso Genro (PT), que disputará a reeleição para o governo, tendo como sua vice a comunista Abgail Pereira. Olívio Dutra (PT), concorrerá ao senado.

 Unidade para construir mais vitórias no RS

Unidade para construir mais vitórias no RS

“Mais mudanças, Mais avanços. PCdoB com Dilma e Tarso”. O slogan da convenção sinaliza o posicionamento adotado pelo partido diante de uma eleição que tende a ser difícil, com grandes desafios para o campo da esquerda. O secretário nacional de organização do PCdoB, Walter Sorrentino, considera que a eleição será polarizada, mas criticou o comportamento da direita que, segundo ele, está radicalizada, não tem propostas e não admite que o projeto em curso no país, desde 2003, tenha continuidade. “Esta exasperação da oposição mostra um caráter golpista, semeia o ódio nas relações políticas e sociais. É contra o Brasil e contra o povo”, disse. Sorrentino classificou de “inescrupulosos e vis” os insultos dirigidos a presidente Dilma no jogo Brasil e Croácia. “Por isso, o nosso chamado é para que todos façamos uma grande luta eleitoral, que precisa ser politizada, porque é neste terreno que o PCdoB aumenta o seu papel”, completou.

Avançar mais

Para Sorrentino, o debate eleitoral precisa valorizar as inúmeras conquistas obtidas até aqui, o que é “um legado poderoso”. Junto a isso, segundo ele, é necessária uma plataforma de futuro, que aponte pra frente: avançar nas mudanças, constituindo ampla aliança entre os setores populares e produtivos, tendo como norte a defesa dos interesses nacionais.



Unidade

A convenção do PCdoB RS também foi a celebração da unidade entre os partidos, que trouxe para a chapa majoritária uma legenda da esquerda e da política do Rio Grande: o ex-governador Olívio Dutra. A costura que permitiu a recomposição da chapa, com Olívio candidato ao senado, cujo anúncio há alguns dias teve grande repercussão, contou com o protagonismo do PCdoB e, sobretudo, com uma atitude de grandiosidade política de Emília Fernandes, até então pré-candidata pelo partido, que abriu mão da disputa em nome de Olívio. Este reposicionamento da chapa também permitiu que a ex-secretária de Turismo do RS, a comunista Abgail Pereira, fosse escolhida como pré-candidata a vice-governadora. Já Emília, foi aclamada na convenção como pré-candidata a deputada estadual pelo PCdoB e será uma das principais apostas do partido.

Seguir avançando

O pré-candidato à reeleição para o governo, Tarso Genro, defendeu o papel do PCdoB e dos partidos aliados na construção do que ele classifica como uma nova configuração social e produtiva no estado, cuja consolidação será um desafio nesta disputa eleitoral. Tarso considera que amplos setores sociais e produtivos do estado já identificam os avanços promovidos pelo seu governo e se afastam da influência e “tutela” dos setores conservadores e de direita. “Este é o nosso desafio aqui no Rio Grande: constituir um novo bloco político e social, que corresponda a um novo bloco produtivo e desenvolvimentista, que pode ser um exemplo para uma nova etapa do desenvolvimento econômico e social do Brasil”.

Tarso fez questão de reconhecer e elogiar a escolha da sua vice, Abgail Pereira. “A companheira Biga será uma dirigente do estado. Terá papel ativo na modelagem da composição do governo”. Abgail retribui-lhe afirmando que será uma vice comprometida e leal ao projeto que está sendo construído. Abgail fez questão de assinalar o protagonismo das mulheres do PCdoB, algo que ela também representa na chapa majoritária.


Bandeira da esperança

A presidente estadual do PCdoB, Manuela d’Ávila, resumiu o significado da convenção lembrando de uma frase de João Amazonas, histórico dirigente comunista, dita em 1989 a Lula, então candidato à presidência: “a unidade do povo é a bandeira da esperança”. “Superamos pequenas divergências e momentos em que estivemos divididos, em nome desta bandeira da esperança do povo do nosso estado, da força do que nós representamos, do que esta unidade representa. Para fazer um grande e qualificado debate político com a sociedade, em torno do projeto de desenvolvimento do Rio Grande, de mais mudanças e avanços e da sintonia do Rio Grande com o Brasil”, disse.

Crescimento do PCdoB

Manuela afirmou que nesta eleição o PCdoB gaúcho terá o seu projeto mais ousado de crescimento. O partido terá como metas ampliar a bancada de deputados federais de dois para três membros, e de eleger a sua maior bancada estadual na história do estado, com cinco deputados – atualmente possui um. Manuela destacou a renovação vivida pelo partido, com as presenças de João Derly, André Machado e Emilia Fernandes dentre os pré-candidatos do partido. Assinalou também a importância de reeleger um líder operário como o Assis, na Câmara Federal.

Outra novidade da eleição é que Manuela concorrerá a uma vaga na Assembleia Legislativa, o que deve impulsionar o aumento da representação do PCdoB no parlamento gaúcho.

“Nossa ofensiva são sonhos e ideias, a deles palavrões”

“O nosso partido cresce justamente nestes momentos, em que o Brasil respira democracia, quando o nosso povo, os trabalhadores e as trabalhadoras têm direito de se organizar e ter lado, por isso nós iremos para a ofensiva política. Não ficaremos na defensiva, porque na ofensiva ‘deles’ só cabem palavrões. Nós vamos para a rua defender os nossos sonhos e as nossas lutas por mais mudanças”, conclamou Manuela.

A convenção do PCdoB também contou com representações dos partidos que compõem a aliança em torno da reeleição de Tarso Genro: PT, PTB, PR, PPL, PROS.

Lista pré-candidatos a deputados federais

Assis Flávio da Silva Melo – 6510
Ader de Vargas Flores – 6544
André Luiz de Mello Machado – 6554
Débora Ferrari de Jesus – 6516
Einar dos Santos Jakobson – 6507
Janice de Menezes Nunes – 6556
João Derly de Oliveira Nunes Júnior – 6565
Jorge Luis M. Xavier – 6541
José Franciso Providel dos Santos – 6522
Valdir Rosa da Rosa – 6577

Lista pré-candidatos a deputados estaduais

Manuela d’Ávila – 65656
Alessandro de Moraes Fernandes – 65777
Denise Letícia dos Santos – 65765
Elaine Mota Zuchi – 65456
Émerson Andreis Santarém – 65300
Emilia Therezinha Xavier Fernandes – 65165
Fábio Alves da Silveira “Binho” – 65663
Geraldo Pereira de Matos Filho “Mazzaropi” – 65183
Guiomar Vidor – 65653
Jader André B. Ferreira – 65234
Jorge Horácio Corrêa – 65065
Juliano Roso – 65665
Júlio Cezar Jorge Martins – 65601
Junior Carlos Piaia – 65123
Leandro Alves de Almeida – 65111
Leandro Augusto Basso – 65180
Leandro Clodoveu Velho – 65800
Luciana Alves – 65659
Luiz Ricardo Salgado Bragança – 65654
Marisa dos Santos Telexa – 65789
Nubia Regina Caldas de Souza Laurentino – 65192
Osmar Severo – 65655
Paulo César da Silva – 65533
Rafael Malcorra Bueno – 65190
Roger Daniel Corrêa – 65651
Victor Fernando da Silva – 65100
Zaqueu Key Claudino – 65000

Da redação local
Clomar Porto
Fotos: Juliana Ramiro e Márcia Carvalho

O que você achou desta matéria?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.