Fortaleza terá reencontro de participantes da resistência contra a ditadura militar


Por Carolina Campos, de Fortaleza
As homenagens serão no dia 22 de novembro, às 9h, na Casa de José de Alencar, em Fortaleza (CE). O evento é organizado pelo PCdoB e pela Fundação Maurício Grabois.

A Fundação Maurício Grabois, em parceria com a direção estadual do Partido Comunista do Brasil, realiza no próximo sábado (22/11) o Reencontro de Participantes da Resistência contra a Ditadura Militar. O ato político de confraternização e homenagem, que acontecerá a partir das 9h, na Casa de José de Alencar, reunirá amigos e familiares de pessoas que, entre 1964 e 1985, lutaram pelo retorno da democracia e da liberdade no país.

Benedito Bizerril, membro da Fundação Maurício Grabois no Ceará, destaca que o evento foi pensado inicialmente com o intuito de, no ano que marca os 50 anos do Golpe Militar, realizar um ato que reunisse essas pessoas que participaram da resistência. “É um momento de reencontro. Alguns moram fora, outros se afastaram e muitos não se vêem há anos. O objetivo do nosso encontro é resgatar este sentimento de unidade e expressar o reconhecimento por essas pessoas que resistiram num momento de muita repressão, abrigados ou não no Partido. A Ditadura foi um período que marcou a vida dessas pessoas e do país que, apesar de conturbado, foi rico do ponto de vista da luta e do desejo de transformação”, avalia.

O movimento que reuniu as pessoas em defesa da liberdade ultrapassou as universidades, escolas, fábricas, bancos, comércio, envolveu profissionais liberais, religiosos e pessoas de diversas esferas da sociedade, não apenas os militantes de partidos e organizações revolucionárias. “Muitos participaram atuando no PCdoB, ou próximos a ele. Algumas delas já não fazem mais parte do Partido, seguiram outro rumo, mas guardam sentimento positivo e de unidade com relação àquele período. Muitos permaneceram no anonimato, não obstante sua importante contribuição na resistência democrática, colocando em risco suas próprias vidas em defesa do Brasil, unidas por um ideal”, considera Bizerril.

Homenagens

Além do momento de congraçamento, o encontro terá ainda apresentações artísticas e homenagens. “Renderemos homenagens, in memória, aos companheiros e companheiras já falecidos, bem como a algumas personalidades do Ceará que tiveram papel importante na defesa da democracia, dentre elas Wanda Sidou (in memoria), advogada de presos políticos, mulher corajosa que enfrentou os militares e a ditadura em defesa da liberdade”, exemplificou. Também serão homenageados os advogados Pádua Barroso e Antonio Carlos de Araújo, bem como Nildes Alencar, Horácio Frota, Lourdes Albuquerque e Rita Marques.

“Momento oportuno”

O ex-preso político considera que, além de ser um pretexto para reencontrar antigos camaradas de lutas, o encontro será realizado em “momento oportuno”. Temos visto alguns grupos se manifestarem publicamente em defesa de intervenção militar no país. É preciso alertar as novas gerações para o que representou o golpe e dizer que este não é o caminho. “Na atualidade, profundas reformais estruturais são necessárias em nosso País, mas somente com a intensa participação da sociedade serão alcançadas. Por isto, é preciso dizer um não a tudo que signifique golpismo”, ratifica Benedito Bizerril.

O advogado reforça ainda que “o encontro de ex-participantes da resistência contra o Golpe simboliza esta luta pela liberdade e democracia”. “Nós nos antepomos ao retorno de qualquer tipo de governo autoritário e ditatorial, por isso a simbologia desta reunião.”

Após o ato político, haverá uma confraternização com almoço, com a contribuição dos próprios participantes, para coroar este momento de congraçamento.

Serviço

Reencontro de Participantes da Resistência contra a Ditadura Militar

Data: Sábado (22/11)

Hora: a partir das 9h

Local: Casa de José de Alencar (Av. Washington Soares, 6055, Messejana)

Realização: Fundação Maurício Grabois e PCdoB-CE

A organização solicita confirmação de participação no pcdobce@pcdobce.com ou no fone (85) 8739-3000.

A comissão organizadora é formada por Benedito Bizerril, Francis Vale, Tarcísio Prata, Carlos Augusto Diógenes Pinheiro (Patinhas), Teresinha Braga Monte e Chico Lopes.

1 comentário

O que você achou desta matéria?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.