Eleição: Carina Vitral tem pré-candidatura lançada no litoral paulista

O PCdoB de São Paulo lançou pré-candidaturas à prefeitura de Santos e Guarujá, primeira e terceira cidades mais populosas da região metropolitana da baixada santista, no estado de São Paulo. Os candidatos são Carina Vitral, estudante de economia da PUC e presidente licenciada da União Nacional dos Estudantes (UNE) e Sidney Aranha, advogado e professor universitário, são os nomes que iniciam a onda vermelha e reforçam as ideias progressistas na disputa eleitoral em São Paulo.


Santos e Guarujá são dois municípios fundamentais para o estado de São Paulo, inclusive para o Brasil. O principal Porto brasileiro é o de Santos, líder em movimentação de contêineres. Movimenta um terço do comércio exterior no país e a região portuária abrange parte da baixada, inclusive o Guarujá.

Em sua primeira disputa eleitoral fora do contexto dos movimentos sociais, Carina Vitral, pré-candidata a prefeita de Santos, se destaca por sua habilidade política e de gestão, adquirido por anos nos movimentos estudantil até chegar à presidência da União Nacional dos Estudantes, uma das principais entidades dos movimentos sociais no Brasil e na América do Sul. 

Tem sido extremamente combativa neste momento em que se identifica um golpe na democracia brasileira. Carina Vitral fará frente ao atual prefeito de Santos, o tucano Paulo Alexandre Barbosa, um dos quatro políticos da baixada citado em documentos da Odebrecht, apreendidos pela Polícia Federal na Operação Lava-Jato, além de ser acusado pela imprensa local de um esquema no qual seus apoiadores receberia valores mensais das secretariais municipais. 

No município de Guarujá, o pré-candidato Sidnei Aranha tem um histórico de atuação social. Ele já foi candidato a deputado Federal em 2010, um dos mais votados no Guarujá e em 2012 o terceiro mais votado na corrida pela prefeitura. Atualmente segue com ações de cunho em direito difusos e coletivos contra SABESP, DERSA, ECOVIAS, etc.

De acordo com Aranha, “a candidatura de Carina Vitral por si só é uma novidade, mas por ser ainda um dos expoentes do estado democrático de direito, com muita inserção na juventude, ela realmente oferta uma nova opção para Santos voltar a ser uma das cidades vanguardistas do estado e menos conservadora.”

Aranha enxerga candidaturas viáveis e sob o comando de duas pessoas jovens, inovadoras e com história de luta; o maior porto da América Latina pode voltar a privilegiar o trabalhador em detrimento da especulação econômica, que “cada vez mais oprime o operário”. 

A onda vermelha que se inicia neste processo conturbado na política regional tende a ser o canto da esperança na região metropolitana do litoral paulista. 

Leia também:
Carina Vitral: Plebiscito para “botar a cara” na democracia  

Do Portal Vermelho

Anúncios

O que você achou desta matéria?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s