Edvaldo: Temos certeza de que o nosso programa é o melhor para Aracaju

Na véspera do segundo turno das eleições municipais que ocorrem neste domingo (30) em 57 cidades do país, o candidato do PCdoB à prefeitura de Aracaju, Edvaldo Nogueira fez uma balanço da sua campanha e destacou que sua chapa tem o melhor programa para a cidade. Para ele, a administração deve “avançar com desenvolvimento, inclusão social e qualidade de vida”. Edvaldo comentou ainda que ficou satisfeito com o último debate eleitoral, realizado na noite da sexta-feira (28), pela TV Globo local. 

Fotos: Marco Vieira

Edvaldo Nogueira com sua vice, Eliane Aquino (PT)

O candidato do PCdoB afirmou que o debate foi mais uma oportunidade de esclarecer questões fundamentais relacionadas ao futuro da cidade. “O debate deixou muito claro que projeto é o mais preparado para resolver os problemas de Aracaju. O povo aracajuano é inteligente e saberá distinguir aquilo que não passa de marketing e aquilo que pode ser feito em prol da cidade. Falo isso porque nossas propostas não são uma ilusão, pois já realizamos muito pela cidade, então o cidadão sabe o que pode esperar de nós”, pontuou.

No confronto, Edvaldo Nogueira (PCdoB) e Valadares Filho (PSB) falaram sobre diversos temas como saúde básica, limpeza pública, saneamento, educação e segurança. Em comum, trataram sobre o drama vivido pela população resultado do descaso do do atual prefeito João Alves (DEM). Os candidatos apresentaram suas propostas para resolver as questões debatidas. 

Edvaldo que ficou em primeiro lugar no primeiro turno, com 28% dos votos válidos, iniciou o debate agradecendo sua vice Eliane Aquino (PT) e os militantes que participaram de sua campanha.

Recordando o tempo em que foi prefeito e das obras que realizou, Edvaldo assumiu o compromisso de realizar ações que garantam o melhor atendimento à população nas áreas de saúde, educação, segurança, incrementando ações para geração de emprego e renda e assegurou aos funcionários municipais o pagamento em dia. Ele tratou ainda de sua proposta de revogação do IPTU. 

“Quero assumir um compromisso com você olhando no seu olho querido amigo aracajuano, um compromisso que você sabe que eu irei realizar, porque fui prefeito e realizei obras que mudaram a face da nossa cidade”, disse. 

Cidade com a melhor qualidade de vida

O candidato do PCdoB lembrou ainda que foi durante sua gestão que Aracaju recebeu a marca de cidade com a melhor qualidade de vida do país. 

Na Saúde, Edvaldo afirmou que irá “recuperar as unidades básicas de saúde e melhorar sensivelmente” as questões relacionadas ao atendimento de especialistas e “cuidar bem das pessoas, melhorando a saúde de Aracaju”, ressaltou o ex-prefeito.

Deselegante com Edvaldo, o candidato do PSB o tratou como “o velho” e se dizendo sendo “o novo”, Valadares Filho, que é deputado federal criticou por diversas vezes a atual gestão de João Alves, do DEM, escondendo que ele próprio recebeu apoio do prefeito no segundo turno, depois de ter ficado em terceiro lugar no primeiro turno. 

No debate, o candidato do PCdoB falou sobre limpeza urbana. Para Edvaldo, Aracaju pode voltar a ser uma cidade limpa sobre sua administração. “Aracaju vai voltar a ser bem cuidada”, destacou, dizendo que irá “cuidar das ruas, das avenidas, limpa-las, fazer a drenagem dos canais, podar as arvores, enfim, para cidade voltar a ser a aquela cidade que as pessoas se encantavam pela limpeza pública, eu posso dizer isso, porque quando fui prefeito Aracaju foi considerada uma das cidades mais limpas do Brasil, Aracaju foi considerada uma cidade modelo no sentido de limpeza e é isso que nós vamos fazer.

Dois projetos em disputa

Neste sábado (29), Edvaldo ressaltou para a imprensa que “ficou muito claro que projetos estão em disputa nesta eleição: o continuísmo da atual gestão, travestido na imagem do falso novo, e o nosso projeto, que tem como objetivo devolver a qualidade de vida a todos os aracajuanos. Está posto para análise do cidadão o projeto que sempre governou com ética, respeito ao dinheiro público e que fez a cidade crescer e se desenvolver contra o projeto que é resultado de um acordão das lideranças atrasadas do Estado, que se uniram para tentar continuar no poder”.

Sobre o tom da campanha, Edvaldo pondera que seu adversário optou pelo caminho da difamação. “Tentou-se passar para a população uma falsa ideia de que a nossa campanha se tornou agressiva, o que não é verdade. O que fizemos foi alertar a população do que estava sendo tramado pelo meu adversário. De modo que a campanha, além de propositiva, também passou a mostrar as mentiras que estavam sendo contadas pelo meu adversário”, esclareceu. “Desde o primeiro turno, a minha vice, Eliane Aquino, e eu fomos alvo de uma campanha suja e difamatória, mas o povo nos conhece e repudiou estas atitudes”, lembrou.

Balanço de campanha

Fazendo uma análise sobre as eleições em Aracaju, o candidato pelo PCdoB falou que chega ao último dia de campanha do segundo turno com o sentimento de “dever cumprido”. Edvaldo avalia que os últimos 30 dias foram importantes para que o eleitor pudesse comparar os projetos em discussão para a cidade. Ele ressalta que mesmo sendo alvo de uma campanha suja, por parte do seu adversário, Edvaldo disse que conseguiu apresentar suas propostas para melhorar a cidade e a qualidade de vida das pessoas.

“Foram 75 dias, entre o primeiro e o segundo turno, de uma campanha que me oportunizou dialogar com todos os aracajuanos, ouvindo deles suas reivindicações e apresentando um projeto de futuro para a nossa cidade, que envolve a reconstrução daquilo que foi destruído durante a atual gestão, e novas ações que permitam aos aracajuanos avançar com desenvolvimento, inclusão social e qualidade de vida”, afirmou. 

Segundo Edvaldo, suas expectativas sobre o resultado da eleição neste domingo são as melhores possíveis. O candidato comunista disse estar “confiante de que o aracajuano saberá escolher pelo melhor projeto”. “Estamos confiantes, porque temos convicção de que o nosso programa de governo é o melhor para a cidade. Neste momento de crise, Aracaju precisa de um prefeito que tenha experiência, que saiba lidar com crises e que tenha capacidade para dialogar com os servidores, com a população e com a sociedade organizada”, reforçou.

Leia também:
Dois projetos distintos estão em disputa no segundo turno em Aracaju
Aracaju pode voltar a ser a capital da melhor qualidade de vida

Do Portal Vermelho, Eliz Brandão

Anúncios

O que você achou desta matéria?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s