PCdoB anuncia sete pré-candidatos para prefeituras de capitais


No último final de semana (9 e 10 de novembro), sete importantes capitais brasileiras lançaram pré-candidatos ou pré-candidatas comunistas para as prefeituras nas eleições de 2020.

O movimento é parte da orientação do PCdoB para a construção de projetos eleitorais ousados, com a confirmação de candidaturas às prefeituras e a formação de chapas próprias competitivas para as Casas
legislativas.

São Paulo (SP) – Orlando Silva

O deputado federal Orlando Silva foi aclamado na Conferência Municipal do PCdoB São Paulo como pré-candidato à prefeitura da cidade mais populosa do Brasil. É a primeira vez que o partido se apresenta
para administrar a capital paulista.

Nascido em Salvador e adotado por São Paulo, Orlando também é o presidente da sigla no Estado. Começou a trajetória política no
movimento estudantil. Entre outros cargos, foi o primeiro presidente
negro da União Nacional do Estudantes (UNE). Também foi Ministro do Esporte no governo Lula; vereador de São Paulo e está em seu segundo mandato como deputado federal.

Assista, a seguir, o pronunciamento do pré-candidato durante a conferência:

Maceió (AL) – Cícero Filho

Os
comunistas de Maceió, reunidos em sua conferência municipal no último sábado (9), decidiram lançar o camarada Cícero Filho como pré-candidato à prefeitura da capital alagoana.

Cícero Filho é presidente do Sindicato dos Oficiais de Justiça de Alagoas (Sindojus/AL) e diretor da Federação Nacional dos Oficiais de Justiça (FojebraA). Também é músico, jornalista e apresentador do programa de entrevistas Folha na TV, da TV Maceió.

Salvador (BA) – Olívia Santana

A deputada estadual Olivia Santana foi aprovada como pré-candidata do PCdoB para a prefeitura de Salvador nas eleições de 2020. A Conferência
do Comitê Municipal foi realizada no último sábado (9).

“Quando o PCdoB faz essa aposta, em um nome como o meu, não é para eu governar
Salvador apenas para a população negra, é porque sabe que sou capaz de assumir o governo da cidade, de unir e integrar o conjunto das
inteligências a favor de Salvador”, destacou a pré-candidata, única
negra numa cidade com 80% de pessoas negras.

Em Salvador, Olívia foi vereadora e Secretária Municipal de Educação.
Também atuou como Secretária de Políticas para as Mulheres e do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte do governo da Bahia. Na última eleição para deputada, teve 70% de seus votos concentrados em Salvador,
onde foi a terceira mais bem votada. A trajetória política, contudo, é anterior: iniciada no Diretório Acadêmico de Pedagogia da UFBA, ainda na
década de 1980, e no movimento negro.

Vitória (ES) – Namy Chequer

Em Vitória, Espírito Santo, o comunista Namy Chequer foi escolhido na Conferência Municipal do PCdoB, realizada no sábado (9), como pré-candidato ao governo da capital capixaba. Namy Chequer argumentou que nenhuma força política conhece mais as necessidades e os desafios da
cidade do que os comunistas.

“Desdeo restabelecimento das eleições diretas para as prefeituras das capitais, em 1985, foram nove eleições, com prefeitos eleitos e reeleitos. Nós, do PCdoB compusemos alianças vitoriosas em seis delas.
Nenhuma outra força política de Vitória detém esta marca. E em mandatos alternados, o nosso partido esteve na Câmara Municipal em gestões de
todos os prefeitos eleitos ou reeleitos nestes 40 anos de democracia da cidade”, destacou o pré-candidato comunista que faz parte desta história.

Militante do PCdoB há mais de 40 anos, Namy Chequer foi vereador de Vitória por cinco mandatos, inclusive ocupando a presidência da Casa legislativa municipal. Também é jornalista e historiador, filiado ao Sindicatos dos Jornalistas e Radialistas e membro do Instituto Histórico e Geográfico do Espírito Santo (IHGES).

Belo Horizonte (MG) – Wadson Ribeiro

O presidente estadual do PCdoB em Minas Gerais, Wadson Ribeiro, foi confirmado pré-candidato à prefeitura da capital, Belo Horizonte. Ele
tem dito que sua expectativa é construir propostas que façam Belo Horizonte dar “um novo saldo de qualidade na promoção de políticas públicas, desenvolvimento econômico e na qualidade de vida”.

Wadson foi ouvidor-geral do Estado de Minas Gerais e titular da Secretaria de Desenvolvimento Integrado e Fóruns Regionais (2017-2018) e
deputado federal (2015-2016). A convite de Lula e do ministro do
Esporte, Orlando Silva, assumiu, em 2007, a Secretaria-Executiva do Ministério. Foi presidente da UNE e presidente nacional da UJS. É nascido em Juiz de Fora (MG) e formado em Administração Pública.

Palmas (TO) – Germana Pires

A Conferência Municipal do PCdoB de Palmas aprovou neste domingo (10), a presidenta da sigla no Estado, Germana Pires, como pré-candidata às eleições para a prefeitura.

“Reafirmo nosso projeto de uma Palmas mais humana, democrática, desenvolvida e sustentável”, comentou a agora pré-candidata, que é professora da Universidade Federal do Tocantis e já esteve à frente de
várias pastas na capital, como Desenvolvimento Urbano, Meio Ambiente, Planejamento e Educação.

Florianópolis (SC) – Janaina Deitos

A
advogada Janaína Deitos foi lançada na Conferência Municipal do PCdoB
em Florianópolis como pré-candidata à prefeitura da capital de Santa Catarina.

Especialista em Gestão Pública do Instituto Federal de Santa
Catarina, foi eleita Diretora para assuntos de Saúde da Confederação das
Mulheres do Brasil (2014). Em 2012, foi candidata à prefeita de
Florianópolis e em 2014 ao governo do estado, em ambas as ocasiões, pelo Partido Pátria Livre (PPL), agora incorporado pelo PCdoB.

1 comentário

O que você achou desta matéria?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s