Carlinhos Brown desmente fake news sobre briga com Olívia Santana


O cantor baiano Carlinhos Brown comentou, durante uma entrevista à rádio Jovem Pan, nesta sexta-feira (14), sobre um vídeo que está circulando nas redes sociais que sugere um briga que jamais aconteceu entre ele e a deputada estadual Olívia Santana, pré-candidata a prefeita de Salvador pelo PCdoB. Brown negou que fosse ele a pessoa que aparece no vídeo e que tenha acontecido qualquer desentendimento com Olívia.

“Vocês viram minha cara ali? Viu minha touca? Meu Jesus”, indagou o cantor, durante a entrevista.

Brown ainda criticou a onda de fake news no Brasil, que pretende ocultar a verdade.

“Estamos em um momento bem chato, em que se substituiu a verdade. O cara fica reclamando que o Brasil não tem nada e perde o tempo na chamada fake news. Não era eu, não era nada. Aconteceu em 2018 com ela”, acrescentou.

Também nesta sexta-feira (14), Olívia e Carlinhos se encontraram pessoalmente. Ela publicou uma foto dos dois nas redes sociais e escreveu: “Olha que encontro bom, nesta manhã de sexta! Eu e Carlinhos Brown demos muita risada da fake news. Seguimos, como sempre, na paz de Oxalá! Ajayô!”

Notícia-crime

Na quinta-feira (13), Olívia esteve na 7ª Delegacia da capital para registrar uma notícia-crime sobre a fake news. A pré-candidata comunista também se reuniu com o delegado João Cavadas, do Grupo Especializado em Repressão aos Crimes por Meios Eletrônicos, que vai auxiliar na investigação.

A verdade

Olívia Santana tem atuado também pelas redes sociais com o objetivo de desmobilizar a mentira inventada para prejudicar sua pré-candidatura. Por meio de um vídeo, explicou a farsa.

A comunista é a primeira deputada estadual negra eleita na Bahia e ativa militante do movimento negro. E relembra que em 2018 foi vítima de uma agressão racista em um hotel. Na ocasião, ela foi à delegacia e denunciou o crime, que está sendo acompanhado pela Justiça.

O vídeo falso foi armado a partir de trechos de entrevista que ela deu falando da atitude racista de que foi vítima em 2018. O material forjado leva a crer que ela teve uma atitude racista contra o músico baiano Carlinhos Brown.

“É absolutamente esdrúxulo”, definiu Olívia em seu vídeo, comentando, inclusive, a boa relação que tem com Brown. E lembrando que a vítima de racismo, quando houve, foi ela mesma.

“As redes sociais são importantes, são um espaço de relacionamento, da gente se conhecer, mas também são espaço que tem um lado muito perigoso. Há pessoas que querem desconstruir a imagem de outras, que querem agredir, violentar. E usam esse espaço das redes sociais para fins ilícitos”, alertou a pré-candidata, que informou ter acionado suas advogadas para buscar Justiça contra quem criou e disseminou a mentira.

“Peço apoio de todos e todas para que garantam que a verdade prevaleça. Vamos fazer uma grande rede contra fake news”, sugeriu.

Assista ao vídeo completo em que Olívia explica o caso:

Do Portal PCdoB

O que você achou desta matéria?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.