Ministério Público do RJ denuncia Flávio Bolsonaro por ‘rachadinhas’


O Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ) denunciou nesta segunda-feira (28) o senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) pelo esquema das ‘rachadinhas’ no gabinete quando o senador era deputado estadual no Rio. A informação foi publicada há alguns minutos pelo jornal O Globo. Fabrício Queiroz, ex-assessor de Flávio Bolsonaro, também foi denunciado.

O filho 01 de Jair Bolsonaro foi apontado como líder da organização criminosa e Queiroz, como operador do esquema de corrupção por meio do qual assessores do gabinete de Flávio na Assembleia Legislativa do Rio devolviam parte dos salários. Segundo O Globo, ambos foram acusados pelos crimes de peculato, lavagem de dinheiro e organização criminosa.

O jornal diz que, segundo dados das quebras de sigilo bancário e fiscal, os promotores apontam que Flávio Bolsonaro usou, pelo menos, R$ 2,7 milhões em dinheiro vivo das ‘rachadinhas’.

Fabrício Queiroz foi preso em junho em Atibaia, no interior de São Paulo, na casa de Frederick Wasseff, na época advogado da família Bolsonaro. Havia mandado de prisão também para a esposa de Queiroz, Márcia Aguiar, mas ela não foi encontrada e foi considerada foragida.

Decisões do ministro João Otávio Noronha, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), e, posteriormente, do ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), permitiram que tanto Queiroz quanto a esposa (mesmo foragida) cumprissem prisão domiciliar.

A investigação do MPRJ durou mais de dois anos. Começou em julho de 2018, após relatório do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) identificar movimentação atípica de R$ 1,2 milhão na conta de Queiroz.

O que você achou desta matéria?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.