Cresce nas redes apoio e solidariedade à Manuela d’Ávila


Cresce nas redes sociais declarações de apoio e solidariedade à Manuela d’Ávila, que revelou nesta quarta-feira (2), mais uma violência sofrida. Desta vez, declarou a liderança gaúcha, estão ameaçando sua filha Laura de estupro e uma “nova ameaça de morte para mim”, publicou em seus perfil.

Manuela que já foi deputada federal e estadual pelo PCdoB Rio Grande do Sul, candidata a prefeita de Porto Alegre (RS) em 2020 e candidata a vice-presidente da República em 2018, diz que foi questionada em um debate se tinha vontade de “desistir” da política, e iniciou o relato sobre a “violência” que enfrenta nos últimos anos. “Ao contrário do que muitos pensam, a violência política está cada vez mais intensa. O último mês foi muito agressivo e me impactou muitíssimo”, contou a liderança.

“Um pai da escola de Laura (cuja identidade conhecemos o que torna tudo ainda mais cruel) tirou uma fotografia de Laura e a entregou para os grupos que distribuem ódio nas redes. A partir disso, todo o submundo da internet passou a usar a imagem dela para nos agredir. São muitos anos de violência. Como vocês sabem, quando Laura ainda era um bebê de colo, foi agredida fisicamente em função de uma mentira distribuída amplamente na internet. De lá pra cá, muitas coisas aconteceram. Mas nenhuma jamais havia envolvido sua escola e algum pai de colega. Foi devastador lidar com isso. Ver a imagem sendo usada por toda essa gentalha que vive as nossas custas, diz que é político e só faz o mal foi uma violência imensa”.

Mensagens de apoio

Imediatamente, a reação nas redes de solidariedade à Manuela acendeu. Somente no Instagram, até o momento, a liderança recebeu mais de 120 mil mensagens, no Facebook, no Twitter milhares de pessoas reagiram à declaração da Manuela, mensagens de apoio não só do mundo político, mas intelectual e artístico ganharam força.

Personalidades das redes como Felipe Neto e Gregório Duvivier, a diretora de cinema Petra Costa, as atrizes Leandra Leal, Mel Lisboa, Julia Lemertz, o cantor Tico Santa Cruz e as cantoras Daniela Mercury e Zélia Ducan, além do senador Randolfe Rodrigues (Rede-AM), os deputados federais gaúchos, Maria do Rosário e Henrique Fontana, ambos do PT, Alessandro Molon (PSB-RJ), escreveram declarações de solidariedade à Manuela e sua filha.

Rede de solidariedade

Manuela também recebeu apoio do seu partido, dos integrantes da direção nacional e da militância digital, inúmeras lideranças do PCdoB mandaram mensagens de apoio à comunista. Nas redes, o vice-governador do RN, Antenor Roberto, os deputados e deputadas federais e estaduais do PCdoB, como as deputadas baianas Alice Portugal e Olívia Santana, a deputada Jandira Feghali (RJ), a deputada estadual e cantora Leci Brandão (SP), a secretária nacional da Mulher, ex-senadora Vanessa Grazziotin, a poeta e vereadora do Recife, Cida Pedrosa, também fizeram postagens de apoio à liderança gaúcha.

Nelipe Feto

@felipeneto

Todo meu amor, carinho e solidariedade à minha amiga. @ManuelaDavila, uma das maiores vítimas das campanhas de ódio na história desse país. Isso é desumano, cruel, nojento. E sempre vem daqueles q se definem como “homens de bem”.

randolferodrigues
Manu, ofereço a você toda a minha solidariedade. Força! Conte comigo para o que precisar

henriquefontana13

Essa violência e ódio são revoltantes e precisam ser punidos de forma exemplar e repudiados pela sociedade. É inaceitável! Minha solidariedade, Manuela.

Maria Do Rosário Nunes

Que tipo de pessoa fotografa uma menina pequena na porta da escola e é capaz de fazer circular a imagem dessa criança até que ela receba a ameaça de ser atingida pelas piores violências?

Que falência moral e ética possui uma sociedade que aceita isso?

E o absurdo de acontecer esse desrespeito à uma criança porque ela filha de uma mulher com opinião e posição política? Por favor!

Deixem as crianças crescerem em paz, protegidas. Deixem as mães em paz!

Por todas as meninas, pela Laura, nunca desista minha querida Manuela D’Ávila. Porque somos irmãs contra esse ódio todo. Porque o legado q queremos para nossas filhas é o amor. Porque somos mães e irmãs unidas contra tanto absurdo, não desista. Faça da dor um impulso para que todas as crianças sejam amadas e protegidas.

Todo meu carinho e apoio à vc é Laura.


lemmertzju

Nossa, sinto muito, que barbaridade!! Só imagino a resistência e resiliência pra enfrentar tudo isso, mas sei da sua força , clareza e honestidade pra ajudar a construir um país mais justo e possível de se viver pra todos. Esses covardes vão ter se entender com a própria incompetência, e com suas consciências, se é que eles têm uma . Força querida @manueladavila , eu ouço a sua voz!!!🙌🏽🌺❤️

mellisboa

Nossa, Manu. Eu admiro vc demais. Tem que ter muito estômago para aguentar tudo isso 😞😰♥️




aliceportugal

Força, Manu! O meu abraço, meu apoio e a minha indignação!
Esse ódio é repudiante, é inaceitável e criminoso. É preciso punição de forma exemplar! Toda minha solidariedade! ❤️

oliviasantana_oficial

É revoltante tudo isso! Muita força pra você e muita proteção principalmente pra Laura, que jamais deveria estar passando por ameaças tão abomináveis.

petracostal

Querida @manueladavila, receba a minha solidariedade! Todo esse ódio que você tem sofrido, as fake news, as ameaças, o assédio à sua filha, tudo isso é inaceitável. O Brasil não pode ser isso, não podemos mais viver assim! Um abraço e muita força!

Tico Santa Cruz

Receba minha solidariedade Manuela D’Ávila e a sua filha e família! Essa gente torpe que saiu do esgoto não tem escrúpulo e nem respeito por uma criança!!! Venceremos esse mal! Siga sempre de cabeça erguida e estamos todos de olho e cuidando de vocês! Força sempre.






Sobre o caso, Manuela contou ainda que a “Polícia já acompanha o caso. O que é evidente que não diminui o medo, a tristeza, a culpa por ver as pessoas que mais amo submetidas a essa gente inescrupulosa”, escreveu.

Na postagem, Manuela diz que pensa em desistir da política, mas “quando a gente respira a gente lembra que tem um mundo pra mudar. Que tem um genocida no governo. Que tem mãe enterrando filho e filho enterrando mãe. Que tem criança trabalhando. Se todos os dias tenho vontade de desistir, todos os dias me lembro das imensas razões que temos para continuar”, completou.


Do Portal PCdoB

1 comentário

  1. Isto é um absurdo Cadê a polícia o ministério público O Brasil não pode continuar assim O cidadão brasileiro e sua família tem todo direito a paz e segurança pra ele e sua família Temos que pôr um a isso

    Curtir

O que você achou desta matéria?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.