Luciana Santos: nada justifica violência contra a mulher


A semana começou com mais um triste episódio de violência contra a mulher. A divulgação, no domingo (11), de vídeo mostrando o músico DJ Ivis agredindo a ex-esposa, Pamella Hollanda, na frente da filha de nove meses, mostrou, mais uma vez, que o machismo estrutural, a violência contra a mulher e sua naturalização ainda são problemas graves e presentes no dia a dia de boa parte das brasileiras.

O episódio gerou uma série de reações na internet, em apoio a Pamella e de estímulo à denúncia contra agressores. A presidenta nacional do PCdoB e vice-governadora de Pernambuco, Luciana Santos, divulgou vídeo nesta segunda-feira (12) em que fala sobre a importância de tanto as vítimas quanto pessoas que tenham conhecimento de atos de violência levarem os fatos às autoridades e buscar apoiar e proteger aquelas as mulheres agredidas.

“Sabe o que justifica violência contra a mulher? Nada. Por isso, denuncie”, enfatizou Luciana. As instituições no Brasil, disse Luciana, “estão aptas a receber e proteger a mulher. Não só a vítima deve denunciar, como qualquer um que possa vivenciar qualquer tipo de violência, deve se posicionar. Não se omita, isso é inaceitável. Não podemos permitir que em pleno século 21 a gente conviva com essas cenas odientas e inaceitáveis”.

Pesquisa feita pelo Datafolha, encomendada pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública mostrou que uma em cada quatro mulheres com mais de 16 anos afirmou ter sofrido algum tipo de violência em 2020, durante a pandemia. Traduzindo em números, seriam 17 milhões de mulheres (24,4%) que sofreram algum episódio de violência física, psicológica ou sexual. As agressões dentro de casa passaram de 42% (em pesquisa realizada em 2019) para 48,8% no mais recente levantamento.

É possível denunciar casos de violência contra a mulher pela Central de Atendimento à Mulher – Ligue 180 ou ainda pelo Disque 100, cujo foco é a violação aos direitos humanos.

Assista o vídeo:

Por Priscila Lobregatte

1 comentário

O que você achou desta matéria?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.